Newsletter

O Brasil é um dos maiores parques fabris do planeta

17/07/2012 12:03

O Brasil é um dos maiores parques fabris do planeta e está na lista dos 10 principais mercados mundiais da indústria. Atualmente, é o 3º principal produtor de malha, está entre os 5 principais países produtores de confecção, tem a 6a maior indústria têxtil e de confecção do mundo, e é um dos 8 grandes mercados de fios, filamentos e tecidos,

Incluída no volume de produção mundial de têxteis - fios, filamentos, tecidos, malhas, artigos da linha lar, especialidades e confeccionados -, a produção de artigos de vestuário foi estimada pelo Instituto de Estudos e Marketing Industrial Ltda (IEMI) em 38,5 milhões de toneladas.

Segundo a Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (ABIT), o setor têxtil brasileiro fechou o ano de 2008 com um faturamento de US$ 43 bilhões, um aumento de 4% sobre 2007 e seus US$ 41,3 bilhões investidos. O aumento foi atribuído ao aquecimento do mercado interno, que representa 92% do consumo. Ainda em 2007, o setor investiu US$ 500 milhões, tornando a indústria têxtil responsável por 17,5% do Produto Interno Bruto (PIB) de toda a indústria de transformação e cerca de 3,5% do PIB total brasileiro.

Há alguns anos, o Brasil investe na renovação do seu parque fabril, aumentando a sua capacidade competitiva em relação aos mercados externos e a sua produtividade. Atualmente, o país participa do comércio mundial de têxteis com uma fatia de 1% - US$ 1,3 bilhão. Além disso, o Brasil tem uma imagem positiva no que se refere à produção e ao beneficiamento de algodão - tendo iniciado pesquisas para beneficiamento de algodão orgânico -, o que tem favorecido a indústria têxtil nacional frente a seus concorrentes.